Peixe assado ao vinagrete

Embora seja apreciado por muitos, o peixe assado é um prato que diversas pessoas têm medo de preparar. Dentre os medos mais comuns dois sempre se destacam: o ponto da carne e o sabor forte de lodo que alguns peixes, principalmente os de água doce, costumam ter.

Com relação ao primeiro é melhor pecar pela falta do que pelo excesso: a carne do peixe é muito macia e cozinha rápido. Então, o melhor a se fazer é assar por pouco tempo e verificar o ponto durante o preparo, deixando assar mais um pouco se necessário. Obviamente há que se considerar também o tamanho do peixe, mas mesmo com peixes grandes é melhor assar menos e voltar para o forno do que assar demais e ter uma carne seca e sem textura. Já sobre o sabor, essa é uma questão que geralmente está relacionada com a limpeza do peixe. Para não errar, prefira assar peixes de água salgada, que raramente terão esse tipo de problema.

Esse prato pode ser feito com praticamente qualquer tipo de peixe de água salgada. Entretanto, um peixe sem pele nesse caso irá permitir que o tempero penetre melhor na carne. Para esse preparo foram utilizados quatro peroás de pouco mais de 200 gramas cada.

Peixe assado ao vinagrete

Ingredientes:

  • 1 kg de peixe sem pele (um peixe grande ou vários pequenos)
  • 2 tomates médios picados
  • 1 cebola roxa picada
  • Suco de um limão
  • Salsa e coentro picados
  • Quatro batatas médias
  • Sal e pimenta do reino à gosto

Preparo:

Faça um vinagrete misturando o tomate, a cebola, o suco do limão, a salsa, o coentro e um pouco de sal. Coloque os peixes nesse vinagrete e deixe marinar por trinta minutos. Depois desse tempo, retire o peixe e drene o vinagrete, mantendo a parte sólida e descartando o líquido.

Descasque as batatas e corte-as em fatias de aproximadamente um centímetro de espessura. Como o peixe não ficará muito tempo no forno, será necessário cozinhar as batatas (já fatiadas) com um pouco de sal por alguns minutos (de 7 a 8 minutos é o suficiente).

Com as batatas cozidas, forre um refratário que acomode o peixe por completo. Utilize parte do vinagrete drenado para rechear a cavidade do peixe e disponha-o sobre as batatas. Para quem gosta de farofa, misture um pouco de farinha de mandioca à parte sólida do vinagrete antes de rechear o peixe.

Coloque um pouco do vinagrete drenado sobre os peixes, regue-os com bastante azeite, cubra com papel alumínio e leve ao forno preaquecido à 220º por quinze minutos. Após esse tempo retire o peixe do forno e verifique o ponto da carne, retirando com um garfo um pedaço da parte mais grossa do peixe: se a carne já estiver branca perto do osso é o suficiente. Senão, deixe por mais cinco minutos no forno, ainda coberto com o papel alumínio.

Depois desse tempo no forno retire o papel alumínio, regue o peixe com mais azeite e volte com ele para o forno por mais cinco minutos para que ele doure um pouco. É normal que o vinagrete libere muita água, então aproveite esse momento para descartar uma parte (ou toda ela) antes de voltar com o peixe para o forno. Sirva apenas com a batata ou acompanhado de arroz branco e salada.

Advertisements

Deixe um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s